DAVID ALMEIDA REVOGA RESTRIÇÃO DE AGLOMERAÇÃO EM VELÓRIOS E ENTERROS

A medida vem no momento em que a cidade registra uma melhora significativa da pandemia da Covid-19, que possibilitou diversas flexibiliza√ß√Ķes dos decretos de restri√ß√£o.

DAVID ALMEIDA REVOGA RESTRIÇÃO DE AGLOMERAÇÃO EM VELÓRIOS E ENTERROS

MANAUS (Amazonas) - A Prefeitura de Manaus revogou medidas para impedir a aglomera√ß√£o de pessoas em velórios e sepultamentos na cidade. O Decreto 4.801 foi publicado no Di√°rio Oficial do Munic√≠pio (DOM) em abril de 2020, e disciplinava os velórios e sepultamentos para pessoas cujas mortes n√£o foram provocadas pela Covid-19, entre elas a limita√ß√£o de dez pessoas por velório e a redu√ß√£o para até 2h do tempo dessas cerimônias.

A revoga√ß√£o foi assinada pelo prefeito David Almeida e publicada no DOM de sexta-feira (29). A medida vem no momento em que a cidade registra uma melhora significativa da pandemia da Covid-19, que possibilitou diversas flexibiliza√ß√Ķes dos decretos de restri√ß√£o.

O decreto revogado dizia que, em caso de morte n√£o provocada pela Covid-19, o velório devia ocorrer, obrigatoriamente, entre as 9h e 15h, e dentro das salas deviam permanecer, no m√°ximo, cinco pessoas por vez, respeitando-se o limite de dois metros de dist√Ęncia entre elas.

Estava proibida, ainda, a aglomera√ß√£o de pessoas nos espa√ßos externos nos locais destinados aos velórios. O decreto determinava também que os respons√°veis pela realiza√ß√£o dos velórios deviam adotar todas as medidas normativas das autoridades sanit√°rias.

Também foi revogada a determina√ß√£o de que o cortejo deveria ser realizado unicamente pelo ve√≠culo que transportava a urna funer√°ria, acompanhada de, no m√°ximo, dois ve√≠culos particulares, limitando a presen√ßa de, no m√°ximo, cinco pessoas durante o sepultamento.