Universitarias Club - Acompanhantes
Eficaz Pesquisa

19º Encontro Nacional do Sistema Plantio Direto aborda práticas sustentáveis na agricultura

Iniciado nesta terça-feira (9), o 19º Encontro Nacional do Sistema Plantio Direto reúne até a próxima quinta-feira (11), especialistas em agricultura, produtores rurais nacionais e internacionais, expositores de tecnologias agrícolas, cientistas, além de outros profissionais do setor, no complexo da Bahia Farm Show, em Luis Eduardo Magalhães, no Oeste da Bahia.

Por Real Radio Tv Brasil em 09/07/2024 às 22:39:58

Iniciado nesta terça-feira (9), o 19º Encontro Nacional do Sistema Plantio Direto reúne até a próxima quinta-feira (11), especialistas em agricultura, produtores rurais nacionais e internacionais, expositores de tecnologias agrícolas, cientistas, além de outros profissionais do setor, no complexo da Bahia Farm Show, em Luis Eduardo Magalhães, no Oeste da Bahia.

O evento que acontece a cada dois anos, é um dos mais importantes sobre manejo e boas práticas agrícolas do país.

O produtor rural Volnei Zorzi e o consultor técnico, Cleverson Pozzebon, consultor técnico, trabalham na agricultura do Paraguai nas culturas de soja, milho, feijão e trigo, e viajaram mais de dois mil quilômetros para o encontro, realizado neste ano, pela primeira vez, no Nordeste.

“Nós acompanhamos os eventos da federação, estivemos em Foz do Iguaçu e agora optamos por fazer mais de dois mil quilômetros e participar disso aqui. A gente veio de carro para poder conhecer melhor a região e já entregou mais do que nós esperávamos. Estamos contentes com o evento e vamos continuar seguindo." disse Zorzi.

"Se a gente pensar no sistema de produção resiliente e sustentável ao longo do tempo, não vejo outra possibilidade senão a adoção integral do Sistema Plantio Direto, mais integral em todos os aspectos, de não remover o solo da rotação de culturas, que é o pilar esquecido da maior parte dos produtores. Manter a falha sobre o solo não é suficiente.", pontuou o consultor.

Para o presidente da Associação dos Agricultores e Irrigantes da Bahia (Aiba), o evento aborda temas importantes como carbono e regeneração do solo.

"Então realmente trazendo coisas importantes sobre o carbono, sobre uma terra generativa, o cuidado que nós vamos ter com o solo, realmente uma palestra que chamou muita atenção. Então isso é o passo a passo, teremos diversas outras palestras pela frente. Tudo isso trazendo a modernidade, aquilo que nós queremos, que é o encontro com a natureza e o bem de todos nós.", disse.

Sistema Plantio Direto (SPD)

De acordo com a Federação Brasileira do Sistema Plantio Direto (Febrapdp), com foco na produção sustentável de alimentos, fibras e energia, o Sistema Plantio Direto (SPD), é uma prática agrícola que atualmente cobre cerca de 36 milhões de hectares no Brasil, uma das mais importantes na agricultura.

Para Marie Bartz, professora doutora e integrante da comissão técnica científica da Febrapdp, o cenário climático incerto, é um dos fatores que tornam a prática agrícola tão importante.

"Nesse cenário que a gente tem hoje, que é evidente das mudanças, das alterações climáticas, a gente vê cada hora está mais instável a questão de chuva, secas e tudo mais, e o Sistema Plantio Direto, ele sim, ele bem conduzido é uma maneira de conservar o solo. Se a gente não cuida do solo, a gente não vai ter produção de alimentos e gere toda uma consequência que vai refletir na sociedade”, explica Bartz.

Transmissão do Canal Rural

No primeiro dia, além das palestras, o painel "Solo e a Vida: o Plantio Direto como base para a agricultura sustentável", foi transmitido para todo o brasil pelo Canal Rural.

Para o presidente da Federação Brasileira de Plantio Direto, Jônadan Ma, as plataformas da emissora são importantes elos com produtores de todo o país.

"Com certeza, o Canal Rural, como o próprio nome, tem o DNA do rural, do campo, do agronegócio, e para nós é uma honra ter um painel específico da emissora, dedicado e ao vivo”, explica o presidente da Febrapdp.

Jônadan também explicou sobre o conceito e importância do SPD no solo. “Então, nós incrementamos também o conceito de biodiversidade, que é a rotação de culturas, quer dizer, manter o solo com uma biodiversidade plena a todo vapor, mantendo a vida no solo e também a questão de termos uma cobertura permanente do solo, seja com uma palhada ou seja com uma planta, uma planta verde, e tudo isso integrados", disse.

Sistema Plantio direto, SPD, Febrapdp, Luis Eduardo Magalhães, Oeste da Bahia, evento
Foto: Jefferson Aleffe/Marca Comunicação

O painel abordou também a importância do trabalho científico como aliado do produtor e do meio ambiente.

O presidente da comissão técnico científica da Febrapdp, João Carlos Moraes de Sá, apresentou dados técnicos e início da trajetória no projeto SPD+ Agro.

“Hoje nós temos a possibilidade de apresentar um banco de dados que vai dar um suporte para o avanço da nossa agricultura. Eu, como brasileiro, estou extremamente honrado e orgulhoso de poder compartilhar isso.

Também destacou a oportunidade extremamente importante a gente variar a sede de cada evento, buscando integrar a região. O Platô Baiano, como eu chamo, ele é uma zona edafoclimática extremamente rica e importante.


Quer participar do Canal Rural Bahia? Tem alguma ideia, inovação agrícola ou sugestão de pauta? Clique aqui e envie para o nosso WhatsApp!

Fonte: Canal Rural

Comunicar erro
Eficaz Pesquisa
Eficaz Pesquisa